Um guia sobre Open Insurance: o que é, como funciona e quais suas vantagens

Open Insurance
- Tempo de leitura: 6 minutos.

Nos últimos anos, o uso da tecnologia em diferentes setores está em constante ascensão. Isso não foi diferente para o mercado de seguros, que cada vez mais usa ferramentas da era digital para otimizar e aumentar a proteção nos processos da área.

De acordo com o Índice Global de Potencial Segurador, divulgado em 2021, o Brasil é atualmente o oitavo país do mundo com maior potencial para crescimento do setor segurador.

E esses dados não ficam somente no papel, a área em questão está em constante progresso.  Recentemente, uma novidade vem chamando a atenção no setor, trata-se de um sistema nomeado de Open Insurance.

O objetivo do Open Insurance é transformar o acesso aos benefícios do mercado de seguros, com um sistema que reúne instituições da área em um ecossistema baseado em padrões e serviços de dados.

Neste artigo explicaremos tudo sobre esse assunto, para sanar todas as dúvidas. Confira!

O que é Open Insurance?

Em tradução literal para o português, o termo da língua inglesa significa “seguro aberto”. Na prática, esse novo modelo do mercado de seguros visa à simplificação das negociações, com o auxílio de tecnologias.

Inspirado no conceito de Open Banking, o Open Insurance veio para fortalecer o sistema de seguradoras, estabelecendo uma estratégia de inovação aberta entre instituições credenciadas pela SUSEP, o órgão regulador do setor de seguros privados.

Em suma, esse sistema busca padronizar dados e serviços por meio de compartilhamento. Com sua implementação, a comunicação entre seguradoras e clientes se tornará mais segura, prática e otimizada.

Isso acontece porque os dados e informações de instituições participantes do Open Insurance ficarão mantidos em um único lugar, o que melhora o acesso de todos os envolvidos. E,  ao mesmo tempo, traz mais segurança, já que as informações só podem ser acessadas com a permissão do cliente.

Open Insurance no Brasil

O Open Insurance é um sistema pioneiro no mundo e está sendo implementado por meio de fases em solo nacional. A primeira teve início no final de 2021, com o  objetivo de cadastrar as empresas no sistema.

A segunda etapa vai até setembro de 2022 e cuida do compartilhamento de dados, ou seja, do cadastro dos clientes no sistema. Já, na terceira e última fase, os serviços de acessos são efetivados, a previsão é que ela acabe em dezembro deste ano.

Ao final desses passos, a ferramenta on-line poderá ser usada por clientes e empresas, oferecendo vantagens para ambos os lados. Abrindo possibilidade para comparação de produtos, serviços e preços, com fácil acesso à plataforma.

Open Insurance é seguro?

Apesar dos benefícios citados acima, ainda existem questões a respeito desse sistema, principalmente quando o assunto é a segurança dos dados.

Um levantamento realizado pela empresa de consultoria de gestão, Bain & Company, apontou que 41% dos participantes da pesquisa estão dispostos a compartilhar informações no Open Insurance.

No entanto, foi revelado que a maioria dos participantes irá levar em consideração a reputação da empresa envolvida e também como seus dados serão acessados, para decidir se querem ou não se cadastrar no sistema.

Essas informações evidenciam a importância de esclarecer como a segurança do Open Insurance funciona. De acordo com o site oficial da plataforma, para integrar a ferramenta, é preciso que as sociedades envolvidas sigam uma série de regras.

Uma das principais normas está relacionada à segurança das informações compartilhadas. Seguindo a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), as empresas, que participam do Open Insurance, precisam apresentar um sistema seguro e eficiente.

Para saber mais sobre a LGPD, clique aqui. 

Relação entre Open Insurance e a Certificação Digital 

Pensando justamente em como reforçar a proteção de informações, surgiu o mercado de Certificado Digital que usa criptografias para garantir a preservação e integridade de dados. 

No caso do Open Insurance, a Certificação Digital funciona para garantir um meio seguro de comunicação entre as diretrizes do sistema e as assinaturas que são realizadas.

Além disso, essa ferramenta atua com interoperabilidade e, por consequência, a qualidade dos dados compartilhados é maior, o que também possibilita a transparência dos processos no segmento do Open Insurance. Nesse sentido, com a Certificação Digital a confiança dos clientes interessados aumenta. 

Diante da importância dessa tecnologia, vale ressaltar que a Soluti – Líder no segmento da Certificação Digital – oferece soluções em identidade digital e assinaturas eletrônicas, para que as informações compartilhadas estejam ainda mais seguras.

Para saber mais sobre nossos serviços voltados ao sistema Open Insurance, clique aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *