Wings: saiba como gerenciar o ciclo de vida dos Certificados Digitais na sua instituição

- Tempo de leitura: 11 minutos.

Está sem tempo para ler este artigo? Você pode escutar o áudio dele!

Por ser um ambiente complexo, o hospital reúne não apenas uma pluralidade de stakeholders, como profissionais de Saúde, pacientes e fornecedores, mas também enfrenta o desafio de concatenar processos diversos, possibilitando a gestão hospitalar estratégica, capaz de otimizar os resultados, gerar valor e diminuir os custos.

Somados a esses desafios, a instituição de Saúde precisa se atentar às prerrogativas próprias do setor, além da legislação, a exemplo da LGPD que prevê multas de até R$50 milhões em caso de descumprimento das normas no tratamento dos dados. É nesse cenário de múltiplos desafios que a tecnologia tem ganhado cada vez mais espaço.

Segundo pesquisa da Gartner, 3% do lucro de uma empresa é gasto com processos em papel. Nesse sentido, a adesão aos Certificados Digitais tem aumentado, enquanto uma alternativa segura para a digitalização dos processos e eliminação dos gastos com papel.

Mas, com essa solução, surge um novo ponto de atenção: como gerenciar o ciclo de vida do Certificado Digital em uma instituição com um grande volume de profissionais? Afinal, esse recurso precisa estar ativo para que o médico possa, por exemplo, atender por Telemedicina e prescrever remotamente.

Com foco não apenas na digitalização hospitalar, mas enquanto aliada do setor da Saúde na gestão estratégica e otimizada, a Soluti desenvolveu o Wings, plataforma que centraliza e oportuniza a gestão dos Certificados Digitais e Licenças de todo o corpo clínico, administrativo e diretivo. Continue a leitura e conheça a solução.

Por que digitalizar o hospital?

Impressão, logística, armazenamento, seguro dos documentos, redigitalização, aluguel de impressora e a aquisição do papel em si são apenas alguns dos custos ocasionados pelo ciclo analógico, altamente dependente do papel. Por essa razão, em busca da eficiência operacional, cada vez mais o conceito de Saúde digital se destaca, com investimentos crescendo mais de 329% em um ano, conforme pesquisa da BenCorp.

Dessa forma, a digitalização hospitalar não é mais uma tendência. Trata-se de um fator crítico para a longevidade, sustentabilidade e competitividade da unidade hospitalar. De modo complementar, a migração para o ambiente virtual gera ganhos em eficiência para os profissionais que compõem o corpo clínico, além de propiciar uma melhor experiência para os pacientes.

Com processos virtuais, são gerados ganhos para o(s):

  • Hospital: redução dos custos operacionais e de glosas, aumento da rentabilidade e perenidade da instituição;
  • Profissionais: médicos, enfermeiros e profissionais administrativos ganham com processos integrados, que oportunizam o fluxo de informações e gestão completa dos dados.
  • Pacientes: com uma jornada mais ágil, os pacientes reduzem pontos de fricção que poderiam impactar, inclusive, na adesão ao tratamento, como a perda da receita física.

Conforme levantamento da Accenture Digital Health Technology Vision 2021, 63% dos Hospitais melhoraram o atendimento aos pacientes, com o incremento de soluções digitais. A essa informação, soma-se outro dado importante: 90% dos médicos acreditam que o uso da tecnologia contribui positivamente para o atendimento aos pacientes, conforme pesquisa realizada pela Associação Paulista de Medicina (APM).

Nesse sentido, a aplicação dos Certificados Digitais nas rotinas hospitalares acompanha a busca das organizações pela eficiência e conectividade. Afinal, 96% dos líderes da Saúde pretendem migrar para a infraestrutura de TI para a nuvem (Philips), uma aspiração traduzida em tecnologias como o Bird ID, Certificado em nuvem que dispensa o uso de mídia física como token.

Assim, o Hospital Digital é um conceito que se traduz na realidade atual das instituições, sendo fundamental para a evolução da Saúde enquanto ecossistema. Hoje, 83% da liderança do setor já investe em Prontuários Eletrônicos.

Como gerenciar os Certificados Digitais no hospital?

Digitalizar processos com segurança e eficiência, integrando sistemas para que os documentos sejam natos e assinados eletronicamente. Esse é um dos principais ganhos oportunizados pelos Certificados Digitais. 

Com eles, os processos podem migram para o ambiente online, contando com:

  • Segurança;
  • Validade jurídica;
  • Proteção das informações, em consonância com a LGPD;
  • Adesão ao princípio do não repúdio.

Assim, o médico pode prescrever remotamente. Por outro lado, a mesma tecnologia possibilita ao corpo administrativo a emissão da Nota Fiscal (NF) correspondente à contratação de um fornecedor. Já os membros da administração do hospital podem assinar remotamente a aprovação do orçamento, por exemplo. Assim, todo o ecossistema é galardoado.

Desse modo, a tecnologia se firma enquanto fulcral para o ambiente hospitalar, registrando números importantes como a redução dos custos operacionais em 55%, conforme pesquisa realizada pela Zebra Technologies. 

Wings: gestão e gerenciamento do ciclo de vida do Certificado Digital

Desenvolvido pela Soluti, o Wings é um portal de Gestão Corporativa, especialmente desenvolvido para apoiar a gestão dos Certificados Digitais e Licenças nas instituições de Saúde. Com a solução, as informações ficam sempre atualizadas, disponíveis e seguras, permitindo um melhor gerenciamento.

Com acesso garantido somente aos profissionais previamente autorizados pela organização, o Wings atende aos requisitos da LGPD na segurança das informações disponibilizadas. Nessa perspectiva, a solução elimina riscos de vazamento de dados que poderiam ser gerados, por exemplo, com informações enviadas por e-mail.

O Wings é nativamente integrado ao Bird ID, consolidando com precisão e agilidade os dados do uso do Certificado em nuvem. Intuitiva e completa, a solução foi estruturada para contemplar as necessidades próprias das instituições de Saúde

Conheça, a seguir, a organização do Wings.

Dashboard 

Página inicial que reúne os seguintes dados:

  • Os usuários ativos no sistema do hospital;
  • Histórico completo de todos os usuários (ativos e inativos) que compuseram a instituição;
  • Período com maior corpo clínico e, desse modo, é possível antever momentos de crescimento na equipe;

Já no que concerne propriamente à gestão da equipe com Certificado, o sistema reúne dados sobre:

  • A volumetria de assinaturas dos profissionais e, assim, a adesão deles à tecnologia;
  • Autenticações realizadas por período;
  • Movimentação consolidada.

Por meio dessa visão geral, a organização de Saúde acompanha a movimentação atual e antecipa períodos de maior demanda, conseguindo gerir melhor os recursos financeiros e humanos.

Corporações

Nessa seção é possível gerenciar as informações de Corporações distintas, mas que podem, por exemplo, compor a mesma rede. Como é o caso de grupos de hospitais. São disponibilizados dados como:

  • Nome da instituição;
  • CNPJ;
  • Status da Licença de uso;
  • Condição do Certificado Digital, ou seja, se ele está ativo, inativo ou mesmo bloqueado.

Usuários individuais  

Dedicada à centralização segura das informações dos profissionais da instituição que possuem Licenças e Certificados, essa aba agrega dados fundamentais para a gestão dos usuários que fazem parte do hospital.

Desse modo, é possível consultar quem está ativo, remover o acesso dos profissionais que não fazem parte mais do corpo hospitalar e observar a data de renovação. Nessa seção são consolidados:

  • CPF;
  • Nome;
  • Data de ativação, isto é, o momento no qual o profissional começou a utilizar a solução;
  • Data de expiração do acesso dele ao sistema. Sendo possível renovar automaticamente a Licença e/ou o Certificado de forma planejada e sem comprometer o andamento das atividades;
  • Status do usuário (ativo, inativo, suspenso ou bloqueado).

Grupos de Usuários 

O Wings possibilita a organização dos usuários em grupos que podem ser personalizados pela própria instituição. Assim, é possível acompanhar separadamente informações sobre os profissionais de Saúde, administrativos e até mesmo dos gestores do hospital, como membros do Conselho de Administração.

  • Organização dos grupos de colaboradores.
  • Grupos individualizados no relatório.
  • Possível personalizar as pessoas que vão constituir cada grupo.

Relatórios

Na plataforma é possível gerar relatórios por período, com detalhamento por profissionais e grupos de usuários. Assim, a organização tem sempre à disposição os dados consolidados sobre o uso, status e identificação dos usuários ativos.

Integrações

O portfólio de soluções da Soluti se integra nativamente aos principais sistemas de ERP e PEP utilizados nas instituições de Saúde, a saber:

Dessa maneira, é oportunizada a interoperabilidade dos sistemas, contribuindo para a gestão assertiva, completa e holística. Assim, os hospitais reduzem custos, aumentam a rentabilidade e a competitividade no setor.

Em todo o Brasil, mais 200 instituições de Saúde já contam com o portfólio da Soluti, a exemplo do Hospital Israelita Albert Einstein, Sírio-Libanês, Grupo Athena e Hospital Moinhos de Vento.

Assegure os melhores e mais eficientes processos para a sua instituição, fale com um de nossos especialistas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *