Certificado Code Signing: como ele se diferencia do SSL?

À medida que a tecnologia avança e a utilização do meio online cresce para o consumo de produtos e serviços, a adoção de recursos de Certificação Digital se torna uma demanda cada vez mais latente na atualidade. Em razão da grande quantidade de atividades desempenhadas em plataformas digitais e do valor dos dados que por elas trafegam online, hoje, investir em segurança da informação é primordial.

Nesse cenário, tecnologias como o Certificado Code Signing ganham destaque, sobretudo em negócios que dependem da disponibilização online de softwares, aplicativos e outras ferramentas que precisam ser baixadas pelo usuário.

Em muitos casos, o simples ato de baixar um software em uma página gera uma certa insegurança no consumidor, pois ele acaba não tendo condições de verificar a verdadeira origem do programa e de seu código e do conteúdo do pacote. Isso, de certa forma, acaba por desestimular a aquisição e prejudicar os desenvolvedores.

Contudo, como veremos a seguir, o uso do Code Signing pode solucionar totalmente esse problema, ao garantir segurança e autenticidade a softwares oferecidos digitalmente.

Continue a leitura e entenda melhor como esse Certificado opera e como ele se diferencia do padrão SSL!

O que é o Certificado Code Signing?

Indo direto ao ponto, Code Signing significa assinatura de código, ou seja, é uma tecnologia de Certificação voltada para a autenticação de códigos de desenvolvimento de aplicações e softwares.

Na prática, esse tipo de Certificado é utilizado por empresas e desenvolvedores com o objetivo de aumentar a confiança dos códigos de seus softwares e aplicações na hora de disponibilizá-los online para download.

O que ocorre é que um usuário, ao comprar a cópia de um software por meios físicos, como em uma loja, tem meios para se assegurar de que o produto que está adquirindo é original e totalmente seguro para a instalação.

Por outro lado, quando essa compra é realizada digitalmente e é necessário fazer o download do software adquirido, nem sempre é possível ter certeza de que o que será entregue é realmente uma cópia original, livre de quaisquer alterações e riscos à segurança, por exemplo.

Nesse ponto, então, é que o Certificado Code Signing é tão importante. Por meio dele, o desenvolvedor/fornecedor da aplicação pode garantir a total procedência do produto que é disponibilizado. O Code Signing cria uma espécie de “lacre digital” para o código do conteúdo, impedindo alterações maliciosas na sua estrutura e a replicação não autorizada.

Além disso, esse Certificado ainda autentica a fonte e verifica a integridade do conteúdo. Isso significa que o usuário, ao efetuar o download, terá certeza de que a fonte do material é realmente segura e confiável.

Por que utilizar esse tipo de Certificado?

Para os desenvolvedores de aplicações, a utilização do Certificado Code Signing faz toda a diferença na maneira com que os seus produtos podem ser utilizados pelos usuários. A exemplo, para que um aplicativo seja aceito e disponibilizado nas lojas convencionais — as chamadas stores — é preciso comprovar a origem e a higidez do software, o que pode ser feito com o Certificado Digital.

Caso contrário, se a autenticidade do produto não for garantida, ainda que o desenvolvedor consiga disponibilizá-lo online, corre o risco de o usuário ser alertado de que está baixando uma aplicação de origem desconhecida e que pode danificar seu dispositivo.

Quais as vantagens do Code Signing?

Os benefícios do uso desse tipo de Certificação se estendem por diferentes quesitos, atingindo positivamente não só os desenvolvedores e fornecedores de softwares, mas, principalmente, o usuário final, que passa a ter mais segurança no processo de instalação de programas em seu dispositivo.

A seguir, listamos algumas das principais vantagens que comprovam que o uso do Code Signing gera um grande diferencial. Confira!

Aumento da confiança

Como se viu, o Code Signing está diretamente associado ao aumento da segurança no processo de disponibilização de aplicações online, ao garantir autenticidade da fonte e a integridade do conteúdo.

Por essa razão, um dos reflexos mais nítidos e positivos do uso dessa tecnologia é a melhora da relação do desenvolvedor/fornecedor do produto com os seus clientes. Ao adotar esse Certificado, há um grande reforço na confiabilidade da oferta, eliminando qualquer dúvida acerca da origem do produto e da credibilidade daquele que o fornece.

Maior integridade no processo de uptades

Outro ponto positivo da utilização do Code Signing está associado à atualização das aplicações disponibilizadas pelo desenvolvedor. Assim, caso seja lançado um update de um software, por exemplo, e este for assinado com a mesma chave utilizada na assinatura da aplicação original, essa atualização será considerada igualmente segura e confiável.

Desse modo, o usuário tem a garantia de integridade não somente na hora de adquirir o software, mas também no momento de atualizá-lo — o que é muito comum quando se trata de aplicações mobile, por exemplo.

Qual a diferença do Certificado Code Signing para o SSL?

Embora também tenha uma grande importância no quesito segurança em ambientes digitais, o Certificado SSL funciona de maneira distinta do Certificado Code Signing. Na prática, o SSL é utilizado para autenticar a comunicação do usuário com servidores de páginas na internet — a exemplo de e-commerces.

Em linhas mais gerais, o SSL é um protocolo de segurança que assegura que o usuário está trocando informações com um site de procedência confiável, de propriedade assegurada e que oferece os recursos de proteção extras no compartilhamento de dados. Tudo isso, em regra, é sinalizado a partir de um cadeado na barra de endereços.

Por sua vez, Code Signing é empregado na autenticação do código de aplicações e softwares. Ou seja, após assinado pelo desenvolvedor, o Certificado garante que nenhuma alteração foi feita no código, aumentando a confiabilidade do produto junto ao usuário.

Por fim, dada a forte utilização dos meios online, cada vez mais é necessário investir na qualificação da segurança de páginas, produtos e demais serviços disponibilizados na internet. Nesse sentido, tanto o uso do Certificado Code Signing quanto o SSL são de extrema importância não só para a segurança, mas para a imagem da empresa por trás de uma página na web ou de um software.

Gostou deste artigo? Aproveite para compartilhá-lo nas suas redes sociais e permitir que outras pessoas tenham acesso a essas informações. Compartilhe!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *