Empreendedorismo e contabilidade: como ter sucesso em seu negócio?

- Tempo de leitura: 11 minutos.

Não pode ler agora? Que tal ouvir a narração do artigo? Clique no player e ouça agora!

Ninguém duvida que o período inicial de qualquer negócio é sempre o mais desafiador. A depender do mercado, é necessário resistir à alta concorrência, às especificidades do ramo e a todos os custos que pesam sobre as atividades, mesmo sem faturar muito, até que o negócio se solidifique e comece a crescer.

Apesar das dificuldades existentes nessa fase, é possível tornar a jornada do negócio muito mais promissora. Para isso, empreendedorismo e contabilidade precisam andar de mãos dadas, ou seja, o empreendedor precisa entender a importância de gerenciar de forma profissional a contabilidade do seu negócio, principalmente, nas fases iniciais.

Nesse sentido, alcançar o sucesso no mercado é plenamente possível, mas exige alguns cuidados e estratégias desde o início da jornada do negócio. Para falar um pouco mais sobre o tema e mostrar como a contabilidade pode contribuir com o empreendedorismo, convidamos a gerente financeira da Soluti, Sweine Ribeiro. Acompanhe!

Qual a relação entre empreendedorismo e contabilidade?

A contabilidade pode ser a base para decisões mais inteligentes, para uma gestão mais transparente e para a minimização dos custos. Com um capital mais restrito, o negócio precisa atuar de forma altamente eficiente, eliminando gargalos, desperdícios e decisões improdutivas.

Em razão das especificidades legais existentes em muitos mercados e da alta competitividade a que determinados segmentos estão submetidos, a atuação empresarial pode se tornar algo desafiador e complexo.

Nesse sentido, o sucesso no empreendedorismo, na grande maioria dos casos, depende diretamente da forma como o empresário conduz suas atividades, investe em inovações tecnológicas e otimiza as rotinas contábeis do seu negócio, desde o estágio inicial.

De acordo com Sweine, a contabilidade, atualmente, exerce um papel estratégico dentro das organizações, “levando informações relevantes de forma ágil para o empreendedor, auxiliando na condução do negócio de uma forma mais profissional, organizada e competitiva”.

Dada a intransigência de alguns mercados, é fundamental atuar de maneira profissionalizada, tomando decisões de forma calculada, a partir de dados e informações do negócio e da concorrência. Nesse ponto, então, a contabilidade oferece um grande suporte gerencial ao empreendedor.

Quando executada de maneira correta, ela permite que a empresa reduza os seus custos com tributação, atraia mais parceiros (fornecedores, clientes e investidores) e tenha ciência da sua real performance financeira.

Tudo isso contribui para que cresça de maneira inteligente e saudável, além de viabilizar a implementação de uma cultura pautada na governança corporativa, um conceito de extrema relevância no meio empresarial atual.

Quais impactos negativos uma empresa pode sofrer caso a rotina contábil seja negligenciada?

“Um dos papéis da contabilidade é fornecer informações de cunho econômico e financeiro sobre a empresa, oferecendo uma visão mais precisa sobre os resultados, entradas e saídas de recursos e custos. Ou seja, a contabilidade oferece uma visão quantitativa sobre as operações da empresa”, destaca Sweine.

Diante disso, ao negligenciar essa importante área, o empresário pode não conseguir visualizar a situação real em que se encontra sua empresa. Em razão dessa situação, ele pode, por uma simples falta de informação, tomar decisões de forma equivocada, assumir riscos desnecessários e ter prejuízos financeiros.

Em casos mais graves, reforça a Sweine, o empreendedor pode até ser obrigado a encerrar as suas atividades empresariais. Portanto, negligenciar as rotinas contábeis de um negócio, ainda que em estágio inicial, é perder a possibilidade de atuar com base em dados técnicos, seguros e estratégicos, os quais são essenciais para tomar decisões mais certeiras, ajustar as operações e identificar o que está ou não funcionando dentro da empresa.

Quais são os benefícios de organizar e priorizar o departamento contábil de um negócio?

Na visão da Sweine, os benefícios podem ser diversos, como saber se está vendendo seu produto ou serviço no preço certo, de forma a não ter prejuízos. “A contabilidade também auxilia no gerenciamento dos seus estoques, sabendo quando se deve ou não comprar, a ter uma gestão de custos e despesas mais efetiva, podendo ter a informação completa de onde está sendo gasto o dinheiro da empresa e ainda ter informações sobre a situação patrimonial da empresa.”

De maneira geral, a contabilidade é um dos caminhos mais seguros de se automatizar e profissionalizar as atividades de um negócio, dando condições para que ele consiga competir no mercado. O uso dos dados e de expedientes técnicos, como os relatórios, evita que o empreendedor tenha que tomar decisões com base na sua intuição ou em presunções, o que fortalece muito a gestão.

Como desenvolver uma boa gestão dos negócios a partir da contabilidade?

Sweine destaca que a contabilidade auxilia na organização dos processos empresariais como um todo. Por isso, a principal recomendação é inserir cada vez mais suas boas práticas na rotina do negócio, tendo em mãos informações de qualidade no momento certo para a tomada de decisões.

Nesse sentido, alguns exemplos de ações estratégicas que podem ser adotadas pelo empreendedor são listadas a seguir. Vejamos!

Utilização de relatórios contábeis

Os relatórios contábeis são ferramentas extremamente importantes para a gestão empresarial, reunindo dados estratégicos a partir de diferentes vertentes do negócio. Além de aumentar o controle e a visibilidade sobre as operações, alguns relatórios são obrigatórios segundo a legislação.

Entre os mais relevantes para o negócio, podemos destacar:

  • Balanço Patrimonial (BP);
  • Demonstração do Resultado do Exercício (DRE);
  • Fluxo de Caixa (DFC);
  • Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA).

Controle de ativos

Ter visibilidade e controle sobre os ativos do negócio é outra ação que faz toda a diferença ao longo da sua jornada de crescimento. Nesse quesito, a contabilidade é crucial para a correta documentação dos ativos imobilizados, controle patrimonial e escrituração das movimentações. Além disso, é essencial para o atendimento à legislação, levando em conta, principalmente, a gestão de ativos humanos.

Impairment Test

Como reflexo do tópico anterior, em que ficou demonstrada a importância do controle dos ativos da empresa, é válido destacar também a necessidade do “Impairment Test”. Ele avalia a redução de um valor recuperável de determinado ativo.

Assim, esse teste pode ser compreendido como uma avaliação dos ativos da empresa, verificando se eles estão desvalorizados — ou seja, se o seu valor contábil é maior do que o seu valor recuperável. De modo geral, esse teste é importante para a correta elaboração do Balanço Patrimonial e da DRE.

Auditoria e compliance

O sucesso empresarial também passa pela regularidade das operações. Ou seja, o empreendedor também precisa estar atento às normas e legislações aplicáveis ao seu negócio, tomando os cuidados necessários para atendê-las.

Nesse sentido, a contabilidade é uma das bases para a auditoria contábil e para o reforço ao compliance. A partir de relatórios e dados estruturados, o empreendedor tem muito mais visibilidade sobre as operações, o que facilita o atendimento às leis, por exemplo.

Gestão de fornecedores

Grande parte dos negócios precisam firmar acordos comerciais e operar de maneira integrada com outras empresas. Nesse sentido, a contabilidade tem um papel decisivo dentro da gestão de fornecedores e dos contratos. Por exemplo, as rotinas contábeis são essenciais para manter as negociações em ordem, cumprindo com as obrigações dentro do prazo e escalonando as compras de acordo com as necessidades.

No mais, a contabilidade auxilia o empresário na identificação de oportunidades, contribuindo para a formalização de contratos e atendimento à legislação, a exemplo da LGPD. Indo além, a contabilidade também é determinante para a modernização dos processos mais técnicos, como a própria escrituração, que pode assumir um viés mais digital, e a formalização de contratos, a partir da Certificação Digital.

Como a tecnologia e a inovação podem fortalecer a contabilidade?

Como foi possível perceber, empreendedorismo e contabilidade têm uma relação bastante próxima. Isso reforça a necessidade de o empresário enxergar as rotinas contábeis não apenas como obrigações legais, mas como uma estratégia que pode ser usada para profissionalizar as atividades e melhorar os resultados.

A Soluti, nesse contexto, pode contribuir de maneira direta não só com os profissionais da contabilidade, mas principalmente, com os empreendedores e empresários. A partir de soluções e ferramentas em Certificação Digital, a Soluti oferece condições para que as boas práticas da contabilidade se tornem cada vez mais presentes na rotina dos negócios, de forma orgânica e inovadora.

Hoje, por exemplo, o Certificado Digital é a base para a escrituração digital, para a troca ágil e eficiente de informações com o Fisco, bem como para o cumprimento de obrigações principais e acessórias. Essa tecnologia, no dia a dia empresarial, também otimiza a formalização de contratos, migrando essa tarefa para o formato eletrônico, muito mais ágil, econômico e dinâmico.

Entre em contato com a Soluti e descubra como aproximar ainda mais empreendedorismo e contabilidade na sua jornada no mercado empresarial!

Quer receber mais conteúdos como esse direto em seu email? Assine nossa Newsletter.

Quer continuar a leitura? Separamos mais dois artigos para você:

Como investir em inovação no setor financeiro? Veja as orientações.

Vendas B2B para serviços: quais as melhores dicas para otimizar o resultado?

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *