Computação em nuvem: conheça a tecnologia e suas vantagens

Na era contemporânea, manter documentos na nuvem têm sido um recurso inovador para ajudar as empresas a economizar espaço físico com o armazenamento de dados, além de reduzir os riscos. Uma das vantagens dessa inovação é a versatilidade dos serviços de assinatura digital.

Mas, afinal, o que se entende por “nuvem” no sentido digital? Recentemente, foi elaborado um conceito visto por muitos especialistas da área como uma boa definição para a Computação em Nuvem: possibilidade de guardar arquivos na web de forma segura e protegidos por senhas de acesso.

Tal conceito se baseia em 5 características essenciais: uso de banda larga, autosserviço sob demanda, pacote de ferramentas, expansão muito veloz e serviço de mensuração de dados.

A definição também contempla os modelos de serviço de software, de plataformas online e de infraestrutura. Além disso, quatro áreas de desenvolvimento também ganham destaque: comunitário, público, privado e híbrido. Juntas, essas modalidades categorizam diferentes modos de entrega de serviços em nuvem.

A divisão das categorias varia de acordo com a forma de uso. Observe:

  • nuvem pública — é usada por diversos clientes;
  • nuvem privada — caracteriza-se pelo uso proprietário da nuvem;
  • nuvem comunitária — utilizada por clientes com interesses comuns;
  • nuvem híbrida — pode ser composta por um mix de diferentes modalidades.

O que é computação em nuvem?

Um dos maiores recursos proporcionados pelo avanço da tecnologia foi a migração para Computação em Nuvem. Esse recurso permite ao usuário acessar, pela internet, sistemas e ferramentas tecnológicas, sem precisar guardar os dados em seu computador.

Além disso, disponibiliza atualizações automáticas de software, possibilita o compartilhamento de arquivos e ainda diminui a necessidade de manutenção na estrutura de redes locais. Apesar dos inúmeros benefícios, essa inovação representa novos e grandes desafios.

As melhores soluções em nuvem necessitam de Certificação Digital para permissão de entrada na nuvem e de certificação dos diversos dispositivos que compõem a nuvem.

Desse modo, os serviços de assinatura digital são, em termos de segurança, a melhor forma de preservar a identidade do cliente e de autorizar o uso dos serviços contratados na nuvem.

Existem, ainda, outras Certificações Digitais para hardwares e softwares. Porém, elas são utilizadas para garantir a integridade dos dados e proteger contra acessos não autorizados.

Por que as empresas apostam nesse recurso?

O uso massivo das redes computacionais e o advento da internet como o principal recurso de comunicação mundial elevou os riscos de ataques virtuais. Esse problema pode ser reduzido com o crescimento das tecnologias de virtualização e com ferramentas da computação em nuvem.

Nessa conjectura, as corporações estão adotando cada vez mais tecnologias que utilizam recursos na nuvem para proteger seus dados e trabalhar com mais segurança.

Independentemente do ramo de atuação ou do porte da empresa, o armazenamento de dados na nuvem é a melhor opção para assegurar a integridade das informações.

As instituições investem em empresas de software de segurança digital para serviços de planejamento e variadas estratégias com vistas ao desenvolvimento de soluções. Elas garantem maior confiabilidade nos processos de configuração e de instalação de programas em ambientes corporativos.

Atualmente, a demanda por serviços adicionais de proteção digital já domina diferentes setores de multimídia. Os mais utilizados são aplicativos de comércio eletrônico, de ferramentas de colaboração e de conteúdo para internet. Grande parte deles estão em dispositivos como celulares, tablets e similares.

Listamos alguns motivos que justificam o investimento empresarial nesses recursos na nuvem. Acompanhe!

Facilidade de acesso

A maioria dos bons sistemas de armazenamento na nuvem utiliza aplicativos móveis que são primordiais à otimização da produtividade em uma instituição.

Desse modo, torna-se possível acessar os arquivos a partir de um tablet ou smartphone, por exemplo. Isso  possibilita que se trabalhe neles ainda que você esteja em um ambiente diferente do escritório, e mesmo longe do computador: basta acessar à internet e fazer o login da sua conta.

Maior praticidade

Normalmente, no cotidiano das empresas, sempre há o risco de se perder informações em meio a tantas respostas de e-mails, já que cada mensagem conta com um anexo diferente.

Nesse sentido, utilizar os serviços de armazenamento na nuvem é vantajoso porque possibilita o compartilhamento de arquivos sem perder dados. Esse recurso permite que tudo seja modificado diretamente no documento original, assinado, revisado e salvo por quem fez a reedição.

Mais segurança

Mesmo diante de tanta tecnologia, ainda é possível encontrar instituições que permanecem armazenando seus dados confidenciais à moda antiga. Eles utilizam arquivos em papéis, computadores e HDs físicos — como pen drives, CDs, HDs externos e outras mídias.

O problema é que essa forma de guardar dados não oferece nenhum tipo de segurança, tornando-se, assim, um risco para a empresa. No caso de algum incidente, como falha elétrica, incêndio, pane no sistema ou roubo de equipamentos, os arquivos importantes podem ser perdidos. E de forma irrecuperável.

Para não incorrer nesse risco, as empresas estão apostando em ferramentas mais modernas e migrando todos os seus documentos para a nuvem. Dessa forma, os arquivos ficam em servidores online, o que garante maior segurança dos dados.

Espaço de armazenamento

Todas as empresas necessitam trabalhar com computadores, ligados à internet ou não. Para evitar problemas, a quantidade de espaço que cada setor necessita para armazenar seus arquivos precisa estar incluída no planejamento estratégico da empresa.

Assim, para manter o sistema funcionando adequadamente e não comprometer a dinâmica da rotina diária, deve-se considerar a possibilidade de aderir ao armazenamento na nuvem.

Organização

Na nuvem, é muito mais fácil organizar os documentos da empresa, além de ser uma maneira muito mais econômica e eficaz de armazenar as informações. Essa é uma das vantagens que tem incentivado os gestores a optar por essa alternativa e investir em estratégias de serviços na nuvem.

Esse recurso permite que todos os envolvidos nesse projeto acessem os documentos por meio de dispositivos online em qualquer lugar do mundo.

Às vezes, muitos usuários nem se dão conta de que estão utilizando a nuvem. Para as empresas, saber se situar e se organizar nesse ambiente pode flexibilizar diferentes soluções, impulsionar os negócios e aumentar a competitividade.

Redução de custos

O uso das vantagens dos softwares como ferramentas para facilitar os serviços de rotina é um dos grandes benefícios da computação em nuvem para a redução de custos. Com essa alternativa, não é necessário comprar servidores e nem pagar licenciamento para instalar outros softwares de gestão.

Disponibilidade de plataformas

Um serviço de armazenamento na nuvem com boa qualidade tem a mesma funcionalidade em todos os sistemas operacionais. Independentemente se uma equipe decidir usar Linux e a outra optar pelo Windows não haverá prejuízo.

Dessa maneira, em qualquer um dos ambientes escolhidos é possível aproveitar as vantagens de utilizar dados em uma rede remota.

Agora que você já sabe como funciona a tecnologia da computação em nuvem e suas vantagens, conheça mais sobre o uso da Certificação Digital em nuvem. Um recurso que traz ainda mais mobilidade e facilidade utilizando o Certificado Digital em qualquer lugar, sem mídia de armazenamento ou instalação de drivers. Clique aqui e saiba tudo!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *