Criptografia: o que é e por que utilizá-la?

Não pode ler agora? Ouça a matéria clicando no player:

Na era da informação, em que o digital passa a assumir o lugar do analógico e que a internet se torna um ambiente comum para os negócios, comunicações, trabalho e uma outra infinidade de tarefas, a segurança digital se torna uma pauta indispensável, sobretudo para as empresas, em razão dos riscos envolvidos na utilização do meio online.

Nesse contexto, investir em soluções e ferramentas de proteção, como é o caso da criptografia de dados, é uma prática fundamental para se reforçar a integridade das atividades e operações travadas em meio digital.

Ciente da importância da segurança da informação para o sucesso dos negócios, a Soluti, empresa especializada em Certificação Digital, se coloca como parceira dos seus clientes, oferecendo soluções inovadoras, baseadas em criptografia avançada e outras modernas tecnologias.

Então, se você ainda não entende muito bem sobre a criptografia e o seu papel na proteção de dados e informações sensíveis, continue com a leitura do artigo que preparamos para esclarecer os principais pontos desse conceito!

O que é a criptografia?

Na prática, a criptografia está relacionada a um conjunto de algoritmos e cálculos específicos que se encarregam de codificar (embaralhar) uma determinada informação, de modo que ela se torne incompreensível para qualquer indivíduo que não possua as chaves necessárias para descriptografar.

Assim, por exemplo, seria o caso de uma empresa que transmite contratos para a assinatura dos clientes de forma online. Nesse caso, informações sensíveis estão trafegando via internet, podendo ser interceptadas por terceiros mal-intencionados. O que a criptografia faz é codificar as informações desses contratos, tornando-as ininteligíveis para qualquer pessoa.

Desse modo, ainda que um hacker, por exemplo, consiga interceptar a comunicação da empresa com o cliente, ele não poderá conhecer o teor das informações, pois essas se encontram criptografadas, codificadas, e não podem ser lidas por quem não tem as chaves de desencriptação.

Como a criptografia é empregada no Certificado Digital?

A criptografia é uma das bases do Certificado Digital, sendo a responsável por conferir mais segurança, integridade e a certeza de que não haverá quebra do sigilo das informações transacionadas entre as partes legítimas de uma operação realizada digitalmente.

Atualmente, a criptografia é empregada nos Certificados Digitais por meio do formato assíncrono ou assimétrico. Nesse padrão, que é amplamente utilizado por entidades nacionais e internacionais, trabalha-se com um par de chaves: uma pública e uma chave privada.

A chave pública tem a função de identificar o usuário que autenticou uma operação com uma chave privada. Na prática, o processo ocorre da seguinte forma: no momento da assinatura de um documento, por exemplo, o portador do Certificado Digital informa a chave privada mediante senha exclusiva.

Feito isso, é anexada junto ao documento assinado a chave pública, que pode ser acessada por terceiros e é utilizada para verificar se os dados do Certificado correspondem aos dados que estão registrados junto à Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

A ICP-Brasil exige que as Autoridades Certificadoras (AC) mantenham o repositório para identificação dos Certificados emitidos, de modo que se consiga verificar se continuam válidos ou não no momento que foram utilizados para assinar aquele documento.

Assim, ambas as chaves trabalham em conjunto: a chave privada executa a ação de assinatura do documento, enquanto a pública autentica as informações registradas no Certificado, atestando que são verdadeiras e de titularidade do indivíduo que está assinando.

Algoritmos na criptografia

De forma mais técnica, no Brasil são permitidos dois tipos de algoritmos de criptografia para a geração dos Certificados: O Rivest-Shamir-Adleman (RSA), que é o mais comum, e o modelo de curvas elípticas. A diferença básica de uma metodologia em relação a outra está na matemática empregada.

Na RSA, a matemática envolvida é a fatoração e multiplicação de números primos para achar seu componente privado. Já na de curvas elípticas, utiliza-se uma matemática mais complexa, na qual se identifica em um plano cartesiano, a partir de uma função matemática, a qual gera elipses nesse plano cartesiano. Assim, nela é preciso descobrir onde cada função foi usada, onde cada “x” e “y” foi identificado dentro do plano cartesiano e o ponto em que a reta da função tocou os dois pontos da elipse.

Desse modo, o que se percebe é que a criptografia trabalha com algoritmos e complexos cálculos para codificar e descodificar as informações protegidas, de forma que é praticamente impossível quebrar os protocolos. Com os padrões mais robustos de encriptação, ainda que com auxílio de recursos computacionais, levaria anos para que alguém conseguisse testar todas as combinações possíveis e conseguisse acessar um conteúdo.

Por que utilizar a criptografia?

Hoje, em razão da digitalização dos serviços, as plataformas online têm se tornado o padrão para as mais diversas finalidades. Assim, a circulação de dados sensíveis pela rede, entre particulares e entre empresas cresceu e vem crescendo exponencialmente.

Porém, os riscos envolvidos no mundo digital também se intensificaram. Hackers e softwares maliciosos tentam se apropriar de informações a todo momento, à medida que elas se tornam ainda mais valiosas. Nesse cenário, a criptografia desponta como uma solução eficiente na proteção de dados, blindando usuários, sites e operações contra incidentes negativos.

Logo, utilizar a criptografia na atualidade é, sem dúvida, uma estratégia altamente recomendada. As vantagens listadas a seguir comprovam essa afirmação. Confira!

Reforço na integridade de informações

Com o apoio da criptografia e do Certificado Digital, hoje empresas têm mais tranquilidade para migrar suas atividades para o meio digital, eliminando gargalos e custos com expedientes manuais.

Nesse sentido, protocolos de segurança baseados na criptografia, como vimos, tornam o acesso desautorizado a informações sensíveis praticamente impossível. Cria-se, então, uma ponte de comunicação segura entre as partes — a exemplo do que acontece com um Certificado SSL — eliminando uma série de riscos para as empresas e seus clientes.

Proteção de dados em nuvem

Por se tratar de um formato de operação em que os dados precisam trafegar via internet, há sempre o risco de interceptação das informações quando se utiliza a computação em nuvem. Nesse tipo de aplicação, contudo, é possível aumentar a segurança na comunicação entre o usuário e o fornecedor da nuvem a partir do uso da criptografia.

Além de proteger o conteúdo das informações e a própria comunicação delas, a criptografia, junto do Certificado Digital, também é útil na hora de validar o acesso de usuários a sistemas hospedados na nuvem — o que pode ser feito com o Certificado de Atributo.

Aumento da confiabilidade de sites e lojas virtuais

Outra vantagem da criptografia está relaciona à qualificação da imagem de empresas que utilizam, por exemplo, Certificados Digitais SSL em sites e lojas virtuais. Esse modelo de Certificado garante a autenticidade da página, dando certeza ao usuário de que ela realmente pertence a quem se diz pertencer.

No mesmo sentido, o SSL (Secure Socket Layer) torna integro o ambiente de sites, garantindo que as informações repassadas por usuários, por meio de formulários, por exemplo, não tenham o sigilo comprometido.

Como a Soluti pode ajudar você a sua empresa aumentar a segurança da informação?

Atualmente a Soluti lidera o ranking de emissões de Certificados Digitais no Brasil, sendo a Autoridade Certificadora mais buscada pelos usuários. Esse resultado é fruto de uma intensa preocupação com o cliente, o que leva a empresa a oferecer sempre as melhores soluções em Certificação Digital.

Nesse sentido, a Soluti pode ajudar você e o seu negócio a qualificar a segurança da informação, utilizando não só a criptografia, mas toda tecnologia envolvida na adoção de um Certificado Digital. Para isso, uma vasta gama de produtos e serviços de ponta fazem parte do portfólio.

Então, gostou deste artigo? O que acha de dar mais um passo e elevar o nível de segurança nas operações digitais da sua empresa? Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *